by - 09:28



Um dia, decidiram me odiar.
Sem motivos, explicações ou razões concretas.
Era pequena, sensível, frágil e imperfeita
Nunca foi um grande desafio me hostilizar pelos corredores.

E então me odiaram
Me chamaram de nomes cruéis,
Gritaram por aí que eu não valia nada
E que só podia ser louca por gostar de ser eu.

Com o tempo, eu aprendi a me odiar também.
Odiava o tudo;
Odiava o nada;
Odiava ter que morar dentro de mim.

Felicidade se tornou um desejo distante.
Constantemente presa na tentativa de explicar o inexplicável,
Afinal, suas palavras não poderiam ser sem motivo algum.
Então a culpa aprendeu a dividir espaço com o vazio dentro mim.

Mas o tempo, fluído, não demorou a passar.

Um dia eu finalmente consegui entender.
Não foi algo que eu fiz ou disse.
Foi pelo prazer doente de ser cruel.
Foi pela infelicidade com a própria existência.

Hoje, voltei a me amar.
Fiz as pazes com meus defeitos e decidi,
De uma vez por todas,
Ser feliz com meu eu.

Agora torço para que você ache um meio o ser feliz também.
Que pare de plantar essa negatividade opressora,
E compreenda o peso que suas palavras podem ter
Assim, quem sabe um dia você pare de distribuir essa ódio sem sentido por aí.



You May Also Like

11 comentários

  1. Não preciso nem dizer que eu amo seus textos né? Você- de novo- superou minhas expectativas *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai que comentário mais lindo <3 <3
      Obrigada Rogéria <3

      Excluir
  2. Lindo! Também estou aqui na torcida para que mais pessoas possam encontrar uma razão pra ser feliz, e ver diminuir os outros não acrescenta a eles.

    ResponderExcluir
  3. Sem palavras, simplesmente tocante e profundo, amei.

    ResponderExcluir
  4. "Hoje, voltei a me amar.
    Fiz as pazes com meus defeitos e decidi,
    De uma vez por todas,
    Ser feliz com meu eu." Ai que lindo <3

    Beijo!!
    http://www.miopesanonimos.com/

    ResponderExcluir
  5. Anna do céu! Que maravilhoso!
    Volta pro projeto! Voltaaaa <3
    www.almadepipaavoada.com.br

    ResponderExcluir

Gostou, tem uma opinião ou apenas sentiu vontade de me dizer um oi? Comente e me deixe saber!